Os quatro goleiros

Foram necessários quatro goleiros até que o Atlético acertasse a meta rubro-negra. Começamos com Zé Augusto que era goleiro do Primavera, ele foi contratado porque tinha feito um belo campeonato em 1969. Ele estava bem até que começou a tomar uns gols esquisitos.

Então trouxeram o polaco Valdomiro que estava voltando com do Flamengo com a pecha de gaveteiro. Também não deu certo.

A nova tentativa foi com Benício, um negão que veio de São Paulo, que segundo o Sicupira era o melhor goleiro que o Atlético teve naquele ano. Mas, no Atletiba, ele até começou bem, 1×0, 1×1, 2×1 pra nós, até que ele vai pegar uma bola fácil e tomou um frango. A bola vinha pelo alto, bateu na mão dele, escorregou, desceu e deu o efeito contrário, bateu na perna dele e entrou. A gente ganhando o jogo e ele tomou um frango daquele.

Benício jogou mais duas partidas e o Atlético foi a Santa Catarina buscar o Vanderlei. E com ele o Atlético terminou o campeonato. Vanderlei fechou o gol no segundo turno e foi titular até o fim.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s