O final do primeiro turno

Depois do Atletiba o Atlético voltou a apresentar altos e baixos no Campeonato. Ganhou de goleada do Jandaia (6×0), mas perdeu para Ferroviário (2×0), Paranavaí (1×0) e Grêmio Maringá (4×1) nas três últimas rodadas.

No jogo contra o Ferroviário perdemos o grande Nilson Borges por contusão. Como conta o prof. Heriberto:

“Fomos jogar com o Ferroviário na Vila Capanema, perdemos o jogo de 2×0 e o Gibi estourou o Nilson, numa entrada criminosa. Eu estava sentado na arquibancada na reta do relógio, mas lá no lado esquerdo, na Rebouças, quando o Gibi veio, ele veio com tudo, ele deu uma entrada que jogou o Nilson lá na linha lateral quase junto ao alambrado. Ele arrebentou o Nilson. Nós já estávamos com o Juarez arrebentado, e ele arrebenta o Nilson também. O nosso time ficou limitadíssimo.”

A campanha do primeiro turno foi bastante irregular, começamos perdendo as três primeiras, goleamos o Cianorte na Baixada, ganhamos o Atletiba, depois empatamos com o Grêmio Oeste e com o Água Verde, goleamos o Jandaia na Baixada, perdemos para  Apucarana fora, empatamos com o Operário em casa e perdemos as três últimas. 

Foram 13 jogos, 4 vitórias, 3 empates e 6 derrotas. Ninguém imaginava que com uma campanha assim o Atlético seria o Campeão.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s