O último jogo em Paranaguá

O Atlético foi para Paranaguá precisando vencer para se consagrar campeão. O Coritiba ainda tinha chances de conquistar o título. O Coritiba enfrentava o Grêmio Maringá em Curitiba. Obviamente os alvi-verdes estavam ligados no jogo do Atlético em Paranaguá. Enquanto o Atlético vencia em Paranaguá, no Couto Pereira se presenciava uma vergonheira. Uma péssima arbitragem e vários erros contra o Grêmio Maringá fizeram com que o jogo não acabasse no Alto da Glória.

Em Paranaguá, alheio a tudo isso, o Atlético vencia o Seleto e sagrava-se Campeão Paranaense de 1970, acabando com a possibilidade de o Coritiba conquistar o tricampeonato.

Aos 5 minutos de jogo o Atlético abriu o marcador, numa tabela de Nelsinho com Sicupira, que passou a bola para Liminha que driblou a defesa parnanguara e mandou para Nilson Borges fazer o primeiro gol do Atlético. Mesmo assim, o Seleto não se abalou e apertou o jogo, indo para o ataque.

Aos 15 do primeiro tempo, Nelsinho marcou o segundo gol atleticano. Ele recebeu um lançamento na intermediária, matou no peito, o goleiro Expedito sai do gol e Nelsinho confere no canto esquerdo.

Aos 24 minutos de jogo, Juquinha aproveita a falha do zagueiro atleticano, dá uma meia-lua e manda a bola no ângulo direito da meta de Vanderley e faz o único gol do Seleto na partida.

Apesar da vantagem atleticana no placar, a partida seguiu equilibrada, com as duas equipes se revezando no ataque. Aos 30 minutos, Nilson Borges cobrou uma falta no setor esquerdo do campo. A bola passou em diagonal por toda a zaga seletense e inclusive pelos atleticanos Sicupira e Nelsinho, até parar em Liminha que pegou a sobra e chutou rasteiro, ampliando o placar para o Atlético. Logo acabou o primeiro tempo, com os atleticanos confiantes no título.

No segundo tempo, as duas equipes voltaram sem modificações. Já aos 2 minutos de jogo o Atlético tomou um susto, quando Lori quase marcou o segundo do Seleto. Logo em seguida, Sicupira encontra Liminha livre na ponta-direita, este na hora de finalizar foi cortado por Vivi do Seleto.

Mesmo com o placar totalmente favorável ao Atlético, o time parnanguara não desistia. Porém, aos 19 minutos o Atlético quase marca novamente com Sicupira. Apesar da vantagem a torcida atleticana estava quieta, como que guardando energias para a comemoração que estava por vir.

Aos 36 minutos, mais uma vez Sicupira quase marca, ele roubou uma bola no meio campo, foi até a área e mandou um chute forte, batendo no travessão. A bola voltou no pé de Zezé que também tentou mas não conseguiu marcar.

Já eram 40 minutos de jogo quando a torcida rubro-negra começou a cantar o tradicional “está chegando a hora”. Os jogadores já estavam na expectativa do apito final. Foi quando Sicupira tabelou com Zezé, e este lançou Toninho que penetrou na pequena área desferindo um chute forte, foi a explosão em Paranaguá, o quarto gol atleticano.

A torcida atleticana não conteve o entusiasmo e invadiu o gramado do Orlando de Matos, antes mesmo da partida encerrar. Os policiais, depois de muito trabalho, retiraram a torcida de campo para que o jogo prosseguisse. A partida retornou e todos os olhos estavam voltados para o árbitro Eraldo Palmerine, aguardando o apito final. Quando isso aconteceu, novamente a torcida invadiu o gramado na tão aguardada comemoração. Depois de 11 anos de espera, finalmente o Atlético era campeão.

Ficha técnica:
Jogo:
Atlético 4×1 Seleto
Local: Estádio Orlando Mattos – Paranaguá
Juiz: Eraldo Palmerine
Auxiliares: Valdemar Antonio de Oliveira e Braulio Zanotto
Renda: Cr$ 35.970,00
1º Tempo: Atlético 3×1 Seleto – Marcadores: Nilson, Netinho e Liminha para o Atlético. E Juquinha para o Seleto.
Final: Atlético 4×1 Seleto – Marcador: Toninho para o Atlético

Esse texto é resultado da transcrição do 5º encontro do Círculo de História Atleticana complementada com informações da Tribuna do Paraná do dia seguinte ao jogo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s