Alfredo Gottardi conta como gostava de jogar futebol

Em diversas oportunidades durante o 15º do Círculo de História Atleticana, Alfredo revelou o prazer que tinha de jogar futebol.

“Era demais! Foi uma vida muito gostosa. Eu sempre falo, eu fiz na minha vida tudo que gostei. Eu adorava jogar futebol e me pagavam por isso! Pagavam viagem, eu ficava no melhor hotel, comia a melhor comida. Fazia turismo. Eu chegava na cidade com uma câmera fotográfica a tiracolo. Enquanto eles ficavam dormindo na concentração, eu saía passear na cidade. Eu ia visitar os pontos turísticos, eu tenho fotografia em cada lugar, são milhões de fotografias das cidades que conheci. Tive azar só de não conhecer a Europa, o Atlético não viajou pra lá. Mas depois jogando no México conheci do Canadá à América Central, todos os países. Conheci todas as capitais do Brasil e muitas cidades do interior. Então não tem dinheiro que pague isso.

Era muito divertido. Eu gostava de jogar bola. Eu não via a hora de entrar em campo. Quando tinha casa cheia então, eu me realizava. A vibração na Baixada era demais.”

Comenta-se que Alfredo era galã. Ele diz:

“A gente era privilegiado, trabalhava de calção, sem camisa, então estava sempre bronzeado, musculatura em dia, zero de gordura, e eu era zero de gordura mesmo, era magro e espigado. Eu me cuidava muito, eu era muito profissional. Os caras diziam que eu era muito Caxias, não é que eu que era Caxias, eu treinava mesmo, puxava fila nos treinamentos.”


Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s