Roberto Costa fala sobre os problemas financeiros que o Atlético enfrentava na sua época

Círculo de História Atleticana:  Quando você chegou ainda havia problemas financeiros no Atlético?

Roberto: “Ah, sim. Em 1978 teve. Teve uma época que o presidente era o Lück. Nós íamos fazer uma viagem pro Mato Grosso, no Brasileiro, nós reunimos os jogadores, fazia 4 meses que não recebíamos. Nós perdemos de 1×0 lá. Fazia 4 meses que não recebíamos. Reunimos os jogadores, dissemos, nós não vamos viajar, aí deram uma solucionadinha, aí prometaram que depois pagavam. Aí deram um valezinho pra deixar em casa, aí a gente viajava.”

Alfredo Gottardi Jr: “Era pior se não viajasse.”

Roberto (continua): “Ele (Lück) era uma grande pessoa coitado. Eu acho que o pessoal daquela época sofreu muito mais que hoje. Hoje pra você dirigir um time é fácil. Antigamente era difícil.  O Clube vivia de venda e associados. Hoje tem cota, patrocínio na camisa. Hoje tem a Umbro, no nosso tempo a gente tinha que comprar a camisa. Eu mandava fazer as minhas camisas, com a MR, porque as camisas que vinham eram horríveis.”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s